Submit to FacebookSubmit to Google PlusSubmit to TwitterSubmit to LinkedIn

A Reitoria da UFRJ tem se dedicado bastante aos graduandos em suas Políticas de Assistência Estudantil, para que calouros e veteranos tenham condições cada vez melhores de estabelecer sua vida acadêmica. No ano de 2010, por exemplo, foram 6.311 bolsas concedidas a alunos da graduação. Abaixo, citamos os principais benefícios oferecidos pela Universidade e suas características:

 

BENEFÍCIO-MORADIA: é um dos auxílios mais importantes oferecidos pela UFRJ. Trata-se da concessão de uma vaga para o Alojamento Estudantil localizado na Ilha do Fundão. A seleção é feita a partir da “avaliação das condições socioeconômicas e da distância do local de moradia do aluno e de sua família”. A vaga adquirida é individual e intransferível e tem duração de 12 meses, com possibilidade de renovação anual, que leva em conta, além dos critérios socioeconômicos, o desempenho acadêmico dos alunos-moradores.

 

BOLSA-MANUTENÇÃO: vinculada ao Benefício-Moradia. Esta bolsa tem por objetivo auxiliar nas despesas dos alunos-moradores do Alojamento. Ainda relacionados aos benefícios acima, a UFRJ oferece Avaliação Psicológica para ingressantes no Benefício-Moradia e um Programa de Assistência Ginecológica para as moradoras do Alojamento.

 

BOLSA-AUXÍLIO: com objetivo similar ao da Bolsa-Manutenção, buscando minimizar dificuldades financeiras, a Bolsa-Auxílio atende ao estudante que tenha condições socioeconômicas desfavoráveis à sua permanência na Universidade.

 

BOLSA DE INICIAÇÃO ARTÍSTICA E CULTURAL (PIBIAC): tem o objetivo de estimular as atividades de criação e produção, o desenvolvimento de talentos específicos e a participação de estudantes em projetos de caráter interdisciplinar e interdepartamental.

 

BOLSA-MONITORIA: para despertar o interesse dos alunos na carreira docente e incentivar a cooperação com os professores nas atividades de ensino, a Bolsa-Monitoria é concedida de forma que os professores recebam auxílio de estudantes nas atividades didáticas.

 

PROGRAMA DE BOLSA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA (PIBIC): um projeto em conjunto com o CNPq, para despertar a vocação científica, incentivando formação de jovens pesquisadores através de sua participação em projetos de pesquisa em sua área de interesse.

 

PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSAS DE EXTENSÃO (PIBEX): por meio da participação dos estudantes, os programas de extensão contribuem em sua formação profissional e cidadã, visando estreitar os laços entre sociedade civil e Universidade.

 

 

Topo